domingo, 16 de novembro de 2014

4º Encontro Nacional de Formação encerra com muita emoção e assinatura de agenda de compromissos

14/11/2014| 4º ENAFOR

FOTO: Maykon Yamamoto

Formação de Base para quê? Para a nossa luta fortalecer! Foi com esse grito de guerra e com uma mística regional empolgante que foi iniciado o quinto e último dia do 4º Encontro Nacional de Formação.

A plenária de encerramento ocorreu na Praça ENAFOR, com a presença dos três diretores(as) da CONTAG responsáveis pela realização do 4º ENAFOR, Juraci Souto, secretário de Formação e Organização Sindical, Aristides Santos, secretário de Finanças e Administração, e Lúcia Moura, secretária da Terceira Idade, além da educadora do CEAAL, Nélida Cespedes Rossel.

“Nesses dias, tenho me sentido alegre e desafiada. Sim, é possível outro Brasil e outro mundo. Temos que ter um forte desafio com a democracia participativa e construir um novo poder que é o poder do povo. Além de um novo modelo econômico, onde a vida não se mercantiliza. Temos que ter uma economia a serviço dos povos, e uma cultura voltada para essa diversidade. Temos, ainda, que fortalecer os movimentos populares e sociais. Tudo tem que estar a serviço de um mundo novo, de uma pátria livre. A luta continua por esse mundo novo que merecemos!”, destacou a educadora.

Os dirigentes da CONTAG fizeram uma saudação calorosa a todos e todas e reafirmaram o compromisso do Movimento Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (MSTTR) com a formação sindical e de base, que precisa ser ainda mais fortalecida.

“As nossas expectativas com a agenda de compromissos, que sairá do 4º ENAFOR, são muito boas. Temos uma equipe de sistematização que registrou todos os momentos, e elaborou uma agenda de compromissos recheada de desafios”, iniciou Juraci.

Lúcia falou do sentimento depois dessa semana intensa de discussão sobre a formação de base. “Tivemos uma semana cheia e bem positiva. Terminamos com o sentimento de todos já voltarem para o 5º ENAFOR. Estamos com a sensação de dever cumprido. Acredito nas propostas que vieram e vamos sair daqui mais comprometidos e comprometidas com a formação de base.”

Aristides também destacou a importância desse momento de reafirmação dos compromissos do MSTTR para o próximo período. “Não basta a gente escrever e propor, temos que ter um compromisso efetivo com a política de formação.”

Em seguida, a equipe de sistematização do 4º ENAFOR apresentou a agenda de compromissos:
O 4º ENAFOR se consolida como um lugar de semeadura e de colheita dos sonhos, da alegria, da expressão do sentimento de pertença, das relações horizontais entre os diferentes sujeitos e da manifestação e reafirmação dos processos formativos em andamento que fortalecem as lutas do MSTTR.

O ENAFOR vem se consolidando como lugar de formação de educadores e educadoras populares do MSTTR. Neste ENAFOR, a Rede de Educadores e Educadoras Populares da Escola Nacional de Formação da CONTAG (ENFOC) esteve presente desde a concepção, o planejamento, mobilização, animação e facilitação dos seus diversos momentos.

A agenda ainda resgata que o ENAFOR acontece ainda no momento de celebração dos 50 anos da CONTAG, momento desafiador de reorientação das ações da entidade para o próximo cinquentenário. Outro momento importante desse período de realização do encontro é que estamos no Ano Internacional da Agricultura Familiar, Camponesa e Indígena (AIAF/CI), e saímos das eleições com a reeleição da presidenta Dilma, a partir de uma forte mobilização dos movimentos sociais e da classe trabalhadora.

Seguem alguns pontos da agenda de compromissos: intensificar os processos de formação de base, que afirma a defesa da mãe terra, fortalecendo a consciência ecológica dos povos; ampliar a compreensão do campo como lugar de expressão da vida e vivência dos princípios da agroecologia, articulando saberes, fazeres e sentimentos; ampliar a formação de jovens na base; valorizar os conhecimentos e saberes populares construídos a partir das experiências; fortalecer a Rede de Educadores e Educadoras da ENFOC; ampliar e fortalecer os Grupos de Estudos Sindicais, acolhendo as demandas locais de formação a partir dos temas trabalhados pela ENFOC, contemplando todos os sujeitos; fortalecer o papel da formação sindical junto às Secretarias da CONTAG, Federações e sindicatos; entre outros compromissos.

Após a apresentação, os participantes também contribuíram com outras questões que não integraram a apresentação da agenda e que serão incorporadas para enriquecê-la ainda mais.
A assinatura da agenda de compromissos foi testemunhada pelos secretários(as) de Formação das Federações, por toda a diretoria da CONTAG, pela Rede de Educadores e Educadoras e por todos os participantes do 4º ENAFOR.

Juraci encerrou a parte política da plenária bem emocionado, fazendo um agradecimento especial à equipe pedagógica da ENFOC. O 4º ENAFOR foi encerrado com exibição do vídeo dos melhores momentos do encontro, com muita música, poesia, emoção, e com as forças renovadas para fortalecer os processos formativos do MSTTR em todo o País.


FONTE: Imprensa CONTAG - Verônica Tozzi

STR Goianinha faz sua previsão orçamentária

STR de Goianinha comemora com seus associados e associadas as festas de final de ano. Ao mesmo tempo fez sua previsão orçamentária para o ex...